Banner
Banner

Banner
Banner
Banner
Banner

Banner
Banner
Página Principal

SEMA

Sema recebe sugestões do conselho gestor do Parque Dom Osório Stroffel, de Rondonópolis

Publicado em: Ter, 11 de Julho de 2017 14:07

Rose Domingues | Assessoria

 
a-Breunio_parque_Dom_Osrio_3
Comitiva recebida nesta segunda-feira (10.07) contou com a participação do senador José Medeiros e deputado federal Nilson Leitão

A equipe gestora da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) recebeu na manhã desta segunda-feira (10.07) uma demanda de revisão de alguns pontos do plano de manejo do Parque Estadual Dom Osório Stroffel, localizado em Rondonópolis (210 km ao sul da capital).

 

Participaram da tratativa os representantes do conselho gestor da unidade de conservação, Joel Strobel, Tages Martinelli e Valdemir Araújo, bem como o senador José Medeiros e o deputado federal Nilson Leitão. Criada em 2012, a unidade de conservação tem 6,4 mil hectares e possui vegetação típica de cerrado.

Para o secretário de Estado de Meio Ambiente e vice-governador, Carlos Fávaro, foi importante receber a comitiva e ouvir as demandas e sugestões. "Vamos acolher e analisar todas as informações, de modo a encontrar soluções que promovam o equilíbrio entre a produção sustentável e a conservação ambiental".

Os representantes do conselho também se comprometeram de protocolar algumas atas das reuniões, com o objetivo de trazer informações acerca de divergências em relação à área de amortecimento, que é uma área estabelecida ao redor da unidade de conservação com o objetivo de filtrar os impactos negativos das atividades que ocorrem fora dela, como ruídos, poluição, espécies invasoras e avanço da ocupação humana.

As regras para a área de amortecimento foram criada pelo artigo 2º, inciso 18 da Lei do SNUC (Lei nº 9.985/2000), que a define como o "entorno de uma unidade de conservação, onde as atividades humanas estão sujeitas a normas e restrições específicas, com o propósito de minimizar os impactos negativos sobre a unidade".

Participaram da reunião pela Sema: os secretários executivo e de Gestão Ambiental da Sema, André Baby, e Alex Sandro Marega, respectivamente.

Sobre o Parque

Foi criado pelo Dec. nº. 5.437 de 12 novembro de 2012, é rico em rios, cachoeiras e animais silvestres, além de ser considerado um berçário para a reprodução de peixes durante o período de defeso. Já foram catalogadas mais de 500 espécies de animais, além de mais de 280 espécies de árvores.

Voltar  |  Principal
Disque Denúncia
SEMA-MT

Telefone: (65) 3613-7200

Palácio Paiaguás, Rua C, CEP: 78.049-913 - Cuiabá - Mato Grosso

CNPJ: 03.507.415/0023-50