Banner
Banner

Banner
Banner
Banner
Banner

Banner
Banner
Página Principal

SEMA

Produtores e estudantes participam de atividade sobre conservação das nascentes do rio Caninana

Publicado em: Seg, 03 de Julho de 2017 14:14

Fernanda Nazário | Assessoria

 
a-BaseminarioRioCaninana
A atividade foi realizada neste sexta-feira (30.06) com a proposta de discutir os mananciais com áreas desmatadas e erosões, o que compromete a existência a água no local

Cerca de 120 pessoas, entre alunos de ensino médio e produtores rurais, criaram planos de ação para recuperar duas nascentes do Rio Caninana, no município de São Pedro da Cipa (148 km ao sul de Cuiabá). O evento foi realizado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), em parceria com a Empresa Mato-grossense de Pesquisa Assistência e Extensão Rural (Empaer) e o Comitê de Bacia Hidrográfica do Rio São Lourenço.

 

A atividade foi realizada na sexta-feira (30.06) e é resultado de um seminário para tratar os mananciais com áreas desmatadas e erosões, o que compromete a existência a água no local. Entre os projetos elaborados estão: o cerceamento das nascentes, plantio e semeadura no prazo de oito meses; capacitar em seis meses os produtores por meio de seminários e minicursos; promover educação ambiental utilizando a metodologia de palestras com os membros dos comitês de bacias, entre outros.

A pequena produtora do município, Maria de Fátima de Essa, colaborou na construção dos planos e saiu do evento com a bagagem cheia de conhecimento e ideias para aplicar na sua plantação. “Já faço um trabalho de reflorestamento na minha propriedade e aqui aprendi bastante coisa que pretendo colocar em pratica”.

O professor de epistemologia do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT) Eepistomoligia - Campos São Vicente, Joir Benedito Proença, trouxe os seus alunos do Ensino Médio Técnico em meio ambiente da cidade de Jaciara para assistir ao seminário. Ele fez um balanço positivo do evento e acredita que é importante que os jovens vejam na prática aquilo que eles estudam em sala. “Isso faz com que eles estejam envolvidos e tenham sensibilidade pela situação devastadora que estão as nascentes. Todos estão querendo contribuir para recuperação dessas áreas”.

O estudante Winnidy Junior Martins, 15 anos, refletiu sobre a situação em que se encontram as nascentes. “É triste ver que o nosso patrimônio está malcuidado. Fiquei preocupado, a água é o bem mais importante do planeta, se continuarmos assim o que será do nosso futuro?”.

Para a superintendente de Educação Ambiental da Sema, Vânia Márcia Montalvão, o seminário teve um resultado satisfatório, pois envolveu os participantes no tema. “Queremos mostrar a importância da conservação das áreas protegias e o quanto é necessário a manutenção das nascentes para o sustento da população e pequenas propriedades rurais”.

Rio Caninana

Além de São Pedro da Cipa, o Rio Caninana abrange os municípios de Juscimeira e Jaciara. Ele é uma microbacia do Rio São Lourenço, curso de água que banha o estado de Mato Grosso nascendo no município de Campo Verde e desaguando no Pantanal.

Programação

A coordenadora de Educação Ambiental da Sema, Gresiella Castilho, explica que durante o seminário foram realizadas palestras sobre ‘o que é micro bacia’ e saúde e meio ambiente. Teve também um debate e questionamentos referentes aos assuntos apresentados. O grupo ainda discutiu sobre a recuperação de área degradas e a percepção entre o homem e o meio ambiente.

A fim de mostrar a realidade eles visitaram as nascentes localizadas na Gleba Pombal e na microbacia do córrego Caninana. Depois participaram de uma oficina sobre recuperação das nascentes e das Áreas de Preservação Permanente (APP) que visa a elaboração do Plano de Ordenamento da Bacia do Canina e por fim apresentaram projetos de recuperação das nascentes visitadas.

Voltar  |  Principal
Disque Denúncia
SEMA-MT

Telefone: (65) 3613-7200

Palácio Paiaguás, Rua C, CEP: 78.049-913 - Cuiabá - Mato Grosso

CNPJ: 03.507.415/0023-50